preprocess Airbnb, Booking, Expedia Group e Tripadvisor partilham dados com Eurostat | turismo.dnoticias.pt

Airbnb, Booking, Expedia Group e Tripadvisor partilham dados com Eurostat

A Comissão Europeia vai passar a publicar através do Eurostat dados estatísticos sobre o arrendamento de curta duração, no âmbito de um acordo assinado com as plataformas Airbnb, Booking, Expedia Group e Tripadvisor.

"Este acordo vai permitir, pela primeira vez, o acesso a dados fiáveis sobre a atividade de férias e de outros alojamentos de curta duração oferecidas através destas plataformas de economia colaborativa", refere a Comissão Europeia em comunicado.

Segundo salienta, "este acordo traduzir-se-á em estatísticas mais completas sobre o alojamento de turistas na Europa, permitirá que as autoridades públicas compreendam melhor o desenvolvimento da economia colaborativa e ajudará no desenvolvimento de políticas baseadas em dados".

Os dados a fornecer pelas quatro plataformas ao Eurostat incluem o volume de hóspedes e o número de noites reservadas, estando previsto que -- após validação e tratamento por aquele serviço estatístico da União Europeia - comecem a ser divulgados no segundo semestre deste ano.

"O turismo é uma atividade económica chave na União Europeia. Os arrendamentos de curta duração oferecem soluções convenientes para os turistas e novas fontes de rendimento. Ao mesmo tempo, há preocupações relativamente ao impacto nas comunidades locais. Pela primeira vez, vamos ter dados fidedignos que nos permitirão debater com as cidades de toda a Europa como lidar com esta nova realidade de uma forma equilibrada", afirma o comissário europeu do Mercado Interno, Thierry Breton, citado no comunicado.

Por sua vez, comissário europeu da Economia considera que "este importante marco permitirá ao Eurostat apoiar as autoridades públicas de toda a Europa que procuram dados sobre os serviços de alojamento destas plataformas": "No futuro, poderão usar estes novos dados para tomarem decisões políticas informadas. Pela primeira vez, o Eurostat vai cooperar diretamente com a indústria para fornecer dados fidedignos abrangendo toda a União Europeia", sustenta Paolo Gentiloni.

 

+A A -A