Perdas de companhias aéreas mundiais podem atingir 101 mil milhões

As companhias aéreas mundiais podem registar perdas de receitas até 113 mil milhões de dólares (101,1 mil milhões de euros) devido ao impacto da epidemia do novo coronavírus, estimou hoje a associação internacional de trasnporte aéreo (IATA).  "A situação que resulta do Covid-19 não tem quase precedentes", sublinhou o director-geral da IATA, Alexandre de Juniac, num comunicado publicado hoje na sequência de uma reunião em Singapura.  "Em pouco mais de dois meses, as perspetivas do setor na maioria das regiões do mundo ficaram radicalmente sombrias", observou.   
+A A -A