euroAtlantic airways regressa ao seio da APAVT

A euroAtlantic airways (EAA) por circunstâncias extraordinárias relacionadas com a anterior gestão do Operador Turístico Sonhando afastou-se da Associação Portuguesa de Agências de Viagem e Turismo (APAVT). Agora o empresário Tomaz Metello proprietário da EAA e da Sonhando  ultrapassados os motivos que levaram àquela tomada de posição, decidiu na sequência do também ocorrido com o seu Operador Turístico, que a companhia que fundou ha 25 anos, também regressaria ao seio da mais antiga associação representativa do turismo nacional.

A Administração da EAA e a Direcção da APAVT assinalaram hoje o reencontro da EAA com a APVAT, com Tomaz Metelllo a referir “ser com prazer que vê a EAA que explora duas rotas regulares para os PALOP (São Tomé e Guiné Bissau), voltar a ver a sua companhia inserida na APAVT a associação que melhor faz a ponte entre o distribuidor e o consumidor”.

O Presidente | Chairman e fundador da euroAtlantic airways, Tomaz Metello, tem no sector turismo, além do investimento na EAA e na Sonhando,  a sociedade hoteleira Guiatur-Empreendimentos Turísticos em Cascais, proprietária do Hotel Pestana Cascais, que recorde-se, adquiriu recentemente o palacete, antiga sede dos CTT, onde poderá ser instalado um hotel de luxo, estendendo ainda os seus negócios à área do entretenimento com a discoteca Lust In Rio.

+A A -A