EasyJet abre candidaturas para recém-licenciados

Foto Teresa Gonçalves

A companhia aérea easyJet abriu as candidaturas para o seu programa europeu de recém-licenciados. Os jovens licenciados podem fazer a sua candidatura para o programa de 2015 através do site da easyJet em: http://careers.easyjet.com/pt/graduates/.

 

O programa europeu de recém-licenciados da easyJet, lançado em 2011 e que tem agora a sua quarta edição, é um plano de dois anos onde os candidatos com mais talento têm oportunidade de desenvolver-se profissionalmente nos diferentes departamentos da empresa incluindo Operações, Finanças, Engenharia, TI, Vendas, Marketing e RH com garantias de um contrato de trabalho com a easyJet uma vez concluído o programa.


"O programa oferece a oportunidade de experimentar as atividades do dia-a-dia da easyJet, bem como o envolvimento em projetos importantes de longo prazo. Durante dois anos, os participantes no programa desenvolvem a sua experiência comercial e operacional com o apoio de um mentor dedicado a esse jovem", explica a empresa britânica em comunicado.

 

Alita Benson, Diretora do departamento de Recursos Humanos da easyJet, afirma que “a easyJet é um lugar dinâmico e divertido para se trabalhar e nós continuamos a crescer numa altura em que a indústria de aviação enfrenta desafios muito competitivos. O programa é uma excelente oportunidade para os licenciados com talento aprenderem com os líderes da indústria e desenvolverem as suas capacidades para uma carreira que vai literalmente levantar voo".

 

Manuel Vale, licenciado em Administração de Empresas, com um master em Management internacional, integra atualmente o programa com a função Digital Development Executive – Mobile, fazendo parte da equipa que desenvolve a APP da easyJet e o site mobile. Este lisboeta de 24 anos revela que “foi uma enorme surpresa quando me ligaram da easyJet. Não podia acreditar que uma candidatura online no site acabasse com um convite para viver em Londres e começar a minha vida profissional numa das maiores empresas de aviação da Europa”.

 

Manuel Vale afirma ainda que “desde cedo que me foi dada a responsabilidade sobre projetos, tornando a minha aprendizagem mais prática e enriquecedora. Fazer parte de uma indústria tão competitiva e dinâmica como esta torna os meus dias únicos e desafiantes, onde nunca estás parado pois há sempre alguma coisa para fazer ou melhorar. E posso contar sempre com o apoio de todas as pessoas presentes no escritório, desde os colegas que entraram comigo aos diretores de topo da empresa.”

 

Ao longo dos últimos dois anos, a easyJet recebeu mais de 3.000 candidaturas e 42 licenciados fizeram parte do programa e foram recrutados em toda a Europa a partir de países como Portugal, Reino Unido, Itália, Espanha e Alemanha.

 

O prazo para as candidaturas termina a 11 de janeiro de 2015 e os finalistas serão convidados para a fase de final de recrutamento na Academia de Treino da easyJet no Reino Unido. 

+A A -A

Os mais...