SPA do Reid’s Palace vence ‘Portugal's Best Hotel Spa’

Direcção nega que hotel esteja à venda

O conceituado hotel madeirense Belmond Reid’s Palace conquistou ‘Portugal's Best Hotel Spa 2018’ na gala anual dos World Spa Awards.

A gala decorreu na sexta-feira da semana passada, no 'The St. Regis Maldives Vommuli Resort', nas Maldivas, com o hotel insular a destronar o vencedor de 2017, o spa do Corinthia Hotel Lisboa, bem como a levar a melhor sobre o Thermal Spa do Vidago Palace, o Six Senses Spa do Douro Valley, e o Conrad Spa do Conrad Algarve, e outros cinco concorrentes.

Para além da unidade madeirense, Portugal traz outras distinções da gala anual. O Serenity Spa- The Art of Well Being do Pine Cliffs Resort recebeu o prémio de ‘Portugal´s Best Resort Spa 2018’. É o segundo ano consecutivo que o Serenity Spa recebe este reconhecimento pelos óscares do Spa, além de já ter sido distinguido com o prémio de’Melhor Destino de Spa de luxo’ de Portugal e ‘Melhor Spa de bem-estar de luxo’ da Europa. O Spa Corinthia Hotel Lisboa foi eleito o ‘Portugal's Best Wellness Retreat 2018’.

Venda negada

Para além de ter ganho mais um prémio, o Reid’s Palace garante não estar à venda. Numa referência ao artigo publicado no DIÁRIO de 27 de Setembro de 2018, com o título “A Madeira está nojenta”, a direcção do hotel considera ser “falsa” a declaração da entrevistada Ana Isabel Faria que na altura referiu: “O facto Reid’s estar à venda é sinónimo de que algo não vai bem no destino Madeira”.

“A Belmond anunciou recentemente que o Conselho de Administração deu início a uma revisão de alternativas estratégicas, mas nunca anunciou a venda do Belmond Reid’s Palace”, refere a empresa em comunicado, realçando que “nesta fase, seria prematuro especular sobre qualquer tipo de resultado desta revisão”, pois “um dos resultados poderá incluir a venda da empresa Belmond (que além do Belmond Reid’s Palace opera mais 46 unidades) mas não é um dado”.

“O que sabemos é que a Belmond está numa fase estimulante de crescimento e os resultados esperados e informados, através do último relatório de EBITDA para o ano de 2018, demonstra que este será um ano recorde para a Companhia”, refere o Reid’s. 

 

+A A -A